terça-feira, maio 31, 2016

Odebrecht fecha acordo de delação premiada e vai detalhar financiamento de campanhas

 
Informações; Rovena Rosa/ Agência Brasil


A Odebrecht e o Ministério Público Federal finalizaram na última quarta-feira (25) o acordo de delação premiada e de leniência no âmbito da Operação Lava Jato. Segundo a jornalista Mônica Bergamo, a empreiteira se comprometeu a detalhar o financiamento de campanhas políticas recentes, como a Dilma Rousseff para presidente da República, a de Michel Temer vice e a de Aécio Neves a presidente, em 2014. As negociações aconteciam há alguns meses. Integrantes do MPF planejam convocar inclusive Emílio Odebrecht para dar informações. Até 50 executivos da empresa podem prestar delação premiada. Em fevereiro, um mandado de busca e apreensão durante a 23ª fase da Operação Lava Jato, batizada de Acarajé, encontrou uma planilha com uma lista de doações da Odebrecht para mais de 300 políticos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário