domingo, fevereiro 07, 2016

Ô Lula, vê se aprende com os Marinho a fazer um puxadinho honestamente…

POR FERNANDO BRITO · Em Tijolaço.



Em 2012, a Bloomberg publicou uma reportagem destas que não saem aqui.

A Folha não contratou um barquinho para ir até lá.

O Estadão não destacou uma força-tarefa para escrafunchar a documentação.

O Dr. Sérgio Moro…Bem, neste caso do Dr. Moro não faz diferença…

E O Globo, modestamente, nem disse que o projeto ganhou o prêmio da Wallpaper, uma das mais importantes publicações de design.

E olhem que, quando os “robertinhos” fizeram a mansão, só havia seis anos que o império global estava em moratória, cheio de dívidas e com R$ 1 bilhão de impostos sonegados pela compra de direitos da transmissão dos jogos da Copa…

Mas, convenhamos, o projeto é lindo.

Já pensou, Lula, sentar ali, de frente pro mar, com uma geladeira de isopor do lado, com uma cerveja bem geladinha?

Com todo o respeito, presidente, seu problema é o Guarujá…

O trecho da matéria da Bloomberg:

Esse é o caso com a família de mídia Marinho. Os Marinhos quebrou leis ambientais através da construção de uma mansão de 1.300 metros quadrados ao lado da Praia de Santa Rita, próximo de Paraty, diz Graziela Moraes Barros, um inspetora do ICMBio.

Sem licença, a família, em 2008, construiu uma casa modernista entre dois blocos de concreto de largura, independentes envoltos em vidro, diz Barros. A casa Marinho ganhou vários prêmios de arquitetura, incluindo o Wallpaper Design Award de 2010. (…)

“Esta casa oferece exemplos de alguns dos mais graves crimes ambientais que vemos na região”, diz Barros. Muitas pessoas dizem que os Marinhos governam o Brasil. A casa de praia mostra a família certamente pensa que eles estão acima da lei.

Mas é preciso ser compreensivo.

Lula comandou o Brasil só por oito anos, e os Marinho por mais de meio século.

Nenhum comentário:

Postar um comentário