quarta-feira, abril 19, 2017

Com 16 mandados, PF desarticula quadrilha que aplicava fraudes no seguro-desemprego

Com 16 mandados, PF desarticula quadrilha que aplicava fraudes no seguro-desemprego
Foto: Polícia Federal
Em outra operação deflagrada pela Polícia Federal (PF) na manhã desta quarta-feira (19), cerca de 60 agentes cumpriram 16 mandados judiciais com o objetivo de desarticular uma organização criminosa especializada em fraudes no seguro-desemprego. A investigação sugere que a quadrilha desviou mais de R$ 3 milhões em benefícios. No total, são oito mandado de prisão preventiva, dois de condução coercitiva e seis de busca e apreensão nos municípios de Anápolis e Caldas Novas, em Goiás, Nova Lima, em Minas Gerais, São Félix do Araguaia, no Mato Grosso, e Redenção, no Pará. De acordo com a PF, os crimes "contavam com a colaboração de prepostos do Ministério do Trabalho e agentes públicos cooptados pelo grupo criminoso para alterarem os endereços dos verdadeiros beneficiários, a fim de desviar cartões". A investigação aponta que os integrantes da quadrilha usavam esses cartões para sacar o dinheiro das vítimas em agências lotéricas. Do BN.

Nenhum comentário:

Postar um comentário